Nós temos uma camada de proteção na pele do rosto responsável pela proteção contra microrganismos. Ela auxilia na preservação da água e mantém a hidratação.

Veja qual é o sabonete mais indicado para o seu rosto

Nós temos uma camada de proteção na pele do rosto responsável pela proteção contra microrganismos. Além disso, ela auxilia na preservação da água da camada córnea, o que mantém a hidratação. A pele do rosto costuma ser mais sensível, por isso requer alguns cuidados quando falamos da sua limpeza.

O sabonete comum, quando utilizado para limpeza do rosto pode deixá-lo desprotegido e até irritado. A esteticista Ângela Coelho explica que “quando utilizamos o sabonete em barra comum para a limpeza do nosso rosto, a camada de proteção fica comprometida, o que deixa a pele mais sensível e desprotegida, podendo causar sensibilidade e até irritações”.

Segundo a esteticista, a limpeza inadequada pode causar um efeito rebote e aumentar o surgimento de acnes e a obstrução dos poros. Já nas peles secas, a perda da proteção deixa a pele ainda mais ressecada e pode levar ao aparecimento de linhas de expressão. Além disso, o PH da pele do rosto é diferente do resto do corpo, o que faz com que precise de mais cuidado.

Além do sabonete, existem algumas dicas e produtos que vão auxiliar no cuidado com o rosto. Tônicos e hidratantes, mesmo para quem tem a pele oleosa, são indicados, pois todas as peles precisam de hidratação. Evite colocar a mão no rosto, ela costuma estar cheia de microrganismos que podem contaminar a pele. Procure produtos com fórmulas livres de parabenos, álcool e corantes.

Veja os sabonetes para cada tipo de pele

Pele normal: por ser uma pele equilibrada, um sabonete suave com propriedades hidratantes é o suficiente. Ativos como aloe vera, extrato de calêndula, extrato de ginseng, extrato de maracujá e argila branca são ótimos para esse tipo de pele.

Pele oleosa: é uma pele que possui um desequilíbrio na glândula sebácea e na glândula sudorípara, o que causa uma maior produção de óleo e de água. Apesar de oleosa, ela pode apresentar algumas zonas de ressecamento. Nessas áreas, o sabonete não deve ser usado, já que ele possui propriedades secativas. Produtos com ácido salicílico, erva doce, melaleuca, hamamelis e argila verde são boas opções e possuem ação sebo reguladora.

Pele seca: o ideal é usar sabonetes que tenham ativos com propriedades hidratantes, como: extrato de aveia, extrato de melissa, óleo de framboesa e argila amarela.

Pele mista: este tipo de pele possui regiões com maior produção de lipídeos (normalmente na zona T), e alterna regiões secas e normais. Sabonetes com ativos como extrato de hortelã e extrato de alecrim são excelentes opções.